A Magia Que Só O Quarto Tem

Um dia, por acaso, tive a felicidade de estar lendquarto_livroo a atualizações dos amigos no facebook e me deparo com a atual leitura de um deles, o livro chamado “Quarto”

Mesmo lendo “palavras soltas” sobre o mesmo, me interessei e resolvi procurar saber mais sobre. Li a sinopse e… Simplesmente me apaixonei. Na verdade creio que foi uma
mescla de paixão e curiosidade. Paixão pela  maneira pura e singela na qual Jack, nosso pequeno de 5 anos, nos apresenta seu mundo, e  uma enorme curiosidade de adentrar e conhecer mais desta relação tão “simbiótica” que mantém o pequeno e sua mãe.

O livro nos oportuniza penetrar no mundo de um garoto onde só o que tem de concreto e real, são as coisas que existem no quarto, lugar que ele nunca saiu.

Por conta de ser o pequeno Jack o narrador da estória, temos uma linguagem especialmente diferenciada, rica em fantasia.  Sendo que torna-se uma experiência imensurável a oportunidade de ver através dos olhos do garoto que todo dia dorme dentro do guarda roupa, enquanto sua mãe recebe um homem misterioso.

Quem será este homem que Jack chama de “Velho Nick”? Por que Jack e sua mãe nunca saem de casa? Por que ela não deixa o Velho Nick ver Jack? Bem… Tenho minhas hipóteseloverboy-w342s, mas como não terminei de ler o livro… hehe.

A estória de “Quarto” assemelha-se a o filme “Obsessão” dirigido por Kevin Bacon, que também nos apresenta esta relação controversa, bela e cruel de mães com os filhos.

Convido-os a lerem o livro, verem o filme. E assim como eu, terem o prazer de sentir-se e um garoto de 5 anos outra vez Alegre.

 

Anúncios